Caminhada em Remondes

Caminhada em Remondes

O dia 5 de Outubro ficará para sempre na minha memória. Foi a primeira vez que participei numa caminhada na aldeia que me viu nascer. O percurso era longo, cerca de 10 km, mas de uma beleza fantástica que não deixa ninguém indiferente.

Passei por caminhos onde nunca tinha passado e passei por outros onde não passava há mais de 50 anos.

A ADSEC – Associação Sócio-cultural e Desportiva de Remondes, instituição de apoio social que muito contribui para dar a muitos idosos o bem-estar de que necessitam para enfrentar a velhice que, para muitos, é muito ingrata.

O trajecto foi muito bem escolhido. Passámos pelos Frades, pela ribeira, onde recordámos a cultura do linho, pois era onde, há mais de 50 anos, se semeava, colhia e preparava o linho que depois era transformado em toalhas e colchas que, ainda e principalmente hoje, são muito apreciadas.

Após o reforço alimentar, que foi serviço no Pinheiro, continuámos em direcção ao Rio Sabor. A partir daqui a paisagem é deslumbrante. Vêem-se, sucessivamente as duas pontes novas e, finalmente, com a imponência que a longa vida lhe confere, a velhinha Ponte de Remondes. É muito difícil traduzir por palavras, o que nos vais na alma quando temos o privilégio de ter, na nossa terra, paisagens de “cortar a respiração”, como costuma dizer-se.

Depois de percorridos os 10 km chegámos ao Rio onde nos esperava um almoço feito ela ADSEC de Remondes. Lá estavam as torradas de azeite que deliciam qualquer um. A salada de chícharos, também conhecidos por “feijão-frade”, tudo muito bem confeccionado pelas senhoras da ADSEC.

À organização e à ADSEC os meus parabéns e o meu muito obrigado.

Partilhar

Por favor aguarde...
Total de Visitas da Página: 11
Total de Visitas do Website: 219913

sem comentários

Deixe um comentário