Seminário Distrital Serviços Profissionais

Teve lugar no Sábado, dia 1 de Outubro, no hotel Holiday Inn, organizado pela Comissão de Serviços Profissionais e o Rotary Club de Gaia, o Seminário de Serviços Profissionais, do Distrito rotário 1970. Todos os anos Rotary dedica o mês de Outubro aos Serviços Profissionais, pedra basilar de sustentação de Rotary que, pelo facto de ser um movimento de profissionais, lhes dedica a maior atenção, com maior enfoque neste mês.

Foram muitos os rotários, rotárias e respectivos cônjuges que estiveram presentes, o que deixa muito satisfeitos os organizadores que quiseram ouvir pessoas de reconhecido valor, nas suas áreas de actuação, exteriores ao movimento, falarem sobre temos que dizem respeito a todos, mas muito em especial aos rotários e rotárias do nosso Distrito.

Após a abertura e as boas vindas, o Dr. Jorge Freitas e o Professor José Carlos Cardoso, este do Rotary Club de Vila Real, falaram sobre o que representou para eles a participação no IGE – Intercâmbio de Grupos de Estudos, feito em 2010-2011 com um Distrito rotário do Texas, Estados Unidos. A uma pergunta que lhe foi feita, Jorge Freitas respondeu que “após esta experiência, se for convidado a entrar num clube rotário, provavelmente aceitarei”.

Concha Tello, voluntária dos Leigos para o Desenvolvimento, falou-nos sobre “O que é ser voluntário”. A sua exposição foi de grande interesse para todos pois foi feita por uma pessoa que vive o voluntariado há mais de vinte anos e pertence a uma instituição de leigos, ligada aos jesuítas, com vinte e cinco anos de existência e com resultados à vista em Angola, Moçambique São Tomé, Timor e Portugal.

Para definir voluntariado, Concha Tello, disse que deve estar “ao serviço dos indivíduos, das famílias e da Comunidade” e deve ser “um exercício livre de uma cidadania activa e solidária” e “ser dignificador da condição humana”. Ser voluntário é ser responsável.

Daniel Serrão falou sobre “Ética Profissional: entre os Princípios e as Virtudes”. A Ética faz parte das obrigações diárias de todos os rotários. Um rotário tem que ser um profissional que tenha sempre presente que tudo o que fizer deve ter a ética como referência. Hoje em dia, a “ética está muito ligada a emergência social, por isso muitas vezes referida de ética social”.

As suas intervenções e os seus textos públicos fazem dele uma das pessoas mais respeitadas quando se trata deste tema.

O Seminário foi uma óptima oportunidade para que todos os que nele participaram ficassem mais enriquecidos. Assim Rotary saiu mais forte.

Manuel Cordeiro

Comissão de Serviços Profissionais

Partilhar

Por favor aguarde...
Total de Visitas da Página: 4
Total de Visitas do Website: 226552

sem comentários

Deixe um comentário