Paulo Viriato Costa

 “O que nos torna rotários é a crença de que as nossas profissões são muito mais do que fonte de rendimento e palco para conquistas pessoais. É saber que através delas temos uma oportunidade sem igual para servir.”

Nasceu em Janeiro de 1930. Casado com a Rita de quem teve quatro filhos, Paulo Eduardo, César Luís, já falecido, Carmen Cinthia e Jorge Augusto, todos rotários e companheiros Paul Harris, como o pai.

Como católico praticante participou ativamente em movimentos religiosos, culminando com a distinção de ser sagrado Cavaleiro da Soberana Ordem Militar de Malta, ligada ao Vaticano. 
 
Arquiteto de profissão, pela Universidade Mackenzie de São Paulo. Esteve à frente de um dos mais respeitados conglomerados de empresas da cidade, dirigindo a empresa que realizou mais de 320 obras na região, incluindo bancos, cinemas e hospitais, concorrendo para o desenvolvimento urbano. Acreditando e promovendo a cidade de Santos, estendeu as suas atividades aos setores de navegação e bancário.  
 
Apesar dos inúmeros compromissos profissionais, jamais deixou de se dedicar à comunidade, atuando em iniciativas de cunho cultural, social e filantrópico, participando em várias comissões municipais e de campanhas que visavam o engrandecimento da cidade.  
 
Presidiu ao Conselho de Administração da Fundação Pinacoteca Benedicto Calixto, foi membro do Conselho de Administração do Museu de Arte Sacra de Santos e da Casa da Esperança de Santos. Ocupou a cadeira Marechal Rondon no Instituto Histórico e Geográfico de Santos .  
 
Em razão do seu envolvimento com Rotary colaborou efetivamente para que vários projetos comunitários fossem implementados na cidade, tendo liderado o movimento que obteve junto de Rotary International os recursos necessários – mais de 6 milhões de dólares – para a compra das vacinas para a erradicação da poliomielite no Brasil.  
 
Foi ainda agraciado pela Câmara Municipal de São Paulo com a “Medalha Anchieta e o Diploma de Gratidão da Cidade de São Paulo” em reconhecimento a toda sua dedicação e envolvimento com as questões sociais e comunitárias.  

Foi rotário por mais de 40 anos, após ter entrado para o Rotary Club de Santos em 7 de Março de 1956, tendo sido presidente do clube, Governador do então Distrito 461, Diretor de Rotary International, culminando como Presidente de Rotary International em 1990-1991, com o Lema: Valorize Rotary Com Fé e Entusiasmo.

Mais informações em: http://www.paulovccosta.com.br

Partilhar

Por favor aguarde...
Total de Visitas da Página: 3
Total de Visitas do Website: 219912

sem comentários

Deixe um comentário